5/Destaque/slider

quarta-feira, 2 de abril de 2008

O Erudito que se torna Pop!!

Um comentário
Estou de volta pessoal!! Depois de milhões de e-mails e elogios ao meu primeiro texto no blog do meu amigo Japa, alem de pedidos desesperados em ligações que fizeram com que o mesmo desligasse seu celular, aqui estou u com uma semana de atraso... mas estou aqui!!!

Vim falar de um assunto muito engraçado, como as músicas eruditas se tornaram pop no nosso dia a dia e nós nem nos damos conta. O contrário também acontece. A nossa realidade faz com que no corre corre nem nos damos conta de que muitas musiquinhas que n os acostumamos em ouvir são na verdade grandes obras da música erudita.

Uma das mais ouvidas é a velha musiquinha do gás, também tocada em chamadas de espera naqueles longos telefonemas que damos para as nossas prestadoras de telefone ou quando temos que resolver resolver algum problema. Essa musiquinha que se torna muitas vezes chatas, é a famosa "Pour Elise" do grande Ludwig van Beethoven, o grande gênio alemão que revolucionou o mundo da música com suas grandes sinfonias. Temos o outro caso da grande e conhecida propaganda do sabonete Vinólia e também companheira da entrada de casamentos, que estamos falando somente na "Primavera" do grande compositor do barroco italiano Antonio Lucio Vivaldi, e faz parte da grande obra "As Quatro Estações", onde na mesma Vivaldi escreve uma das grandes obras para violino demonstrando toda sua beleza e virtuosidade, além de descrever através de elementos musicais as quatro estações da nossa natureza. E só para não me alongar muito vou citar uma terceira e tão conhecida, "A Pequena Serenata Noturna" do grande gênio austríaco Wolfgang Amadeus Mozart, que se ficarem interessados, serão obrigados a procurarem ou baixarem no emule para escutarem, e com certeza vão lembrar de cara. Isso sem falar nas músicas das salas de cinema, propagandas de Tv, cenas de morte em novelas globais e muito mais. Para mim é a música erudita se popularizando.

Sem falar nos Três Tenores que popularizaram a ópera, cada canção daquela em sua maioria é uma ária de uma grande Ópera. A tão conhecida Nessun Dorma por exemplo, é uma ária do último ato da ópera Turandot, de Giacomo Puccini. Poucos sabem que Puccini foi um dos grandes operistas da história da música. Isso prova que além da popularização é da música erudita como um todo, da instrumental a ópera, e o que é mais significativo, dependendo de em que situação escutamos, emociona e meche mesmo sem sabermos de onde vem e para onde se vai.

Aviso mais uma vez a todos que estarei aqui semana que vem na quarta feira. Não precisam chorar, mandar milhões de e-mails ou mesmo fazer meu amigo japonês se aparecer com um atendente de reclamações da oi. Obrigado ao meu amigo japa e a todos que lêem e estarei aqui com certeza, beijos e abraços a todos!!


Thiago Amorim
author profile image
Abdelghafour

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry's standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book.

Um comentário

Igor Kawabe disse...

Thiago Amorim, figura ilustre, inanimada, pena que não tenho como reproduzir a cena da minha reação ao ler sua sincera crônica... kkkkk